Passa Anel resgata brinquedos e brincadeiras antigas no palco

 
Fada Rê e outras personagens conhecidas do público da EIC estarão no palco Fada Rê e outras personagens conhecidas do público da EIC estarão no palco

Será no próximo dia 14 de agosto a apresentação da peça anual da Oficina de Teatro passa Anel. O projeto envolve crianças do 2º ao 9º ano do Ensino Fundamental e é ofertado gratuitamente aos alunos da EIC. São duas grandes apresentações no ano: esta, no teatro Municipal, e a de Natal, na Escola, no final do ano. "Encanta Criança: descoberta das brincadeiras" foi o tema escolhido para encantar também o público nesta edição.

Ao realizar momentos de interação com o grupo por meio de brincadeiras, a diretora, Rejani Vendramini percebeu que as crianças não conheciam muitas delas. Então, ela buscou dezenas de brincadeiras antigas para ensinar aos alunos e acabou, também, resgatando um texto seu, escrito há mais de dez anos para servir de roteiro para a apresentação deste ano. "A peça levará ao palco aproximadamente 100 crianças, que sensibilizarão o púbico para o encantamento pela brincadeira, mostrando como é fácil tirar as crianças dos jogos eletrônicos, levando-os para uma infância mais saudável", assinala a professora e diretora.

A peça contará com a presença do grupo de ginástica rítmica e balé Arte em Movimento e com a participação de uma família (neta, mãe e avó) representando a cena principal. "A peça trará ao público a importância da transmissão de valores e conhecimentos do folclore, que só existe porque as brincadeiras, que são parte dele, são transmitidas geração após geração", explica Rejani.

A diretora também entrará em cena este ano, com três personagens bastante conhecidos na comunidade escolar: A Fada Rê, a mineira Sá Margarida e a folclorista Hemengarda Filomena Grimm. "Pretendemos encantar o público e deixar com vontade de brincar todos os que assistirem à peça", finaliza a autora e diretora do espetáculo. Haverá uma sessão às 15h para a EIC e escolas convidadas e uma outra às 19h30 para as famílias e comunidade. O ingresso é um brinquedo ou livro para doação a crianças carentes.