Institucional

A história da EIC tem sua origem em 1954, quando D. Orlando Chaves, Bispo da diocese que abrangia todo o Sul de Mato Grosso, dirigiu-se à Ir Antoninha Werlang, Ministra Provincial das Irmãs Franciscana da Penitência e Caridade Cristã, no Rio Grande do Sul, pedindo Irmãs para Dourados, com a finalidade de trabalharem na educação, catequese e movimentos religiosos, como Filhas de Maria e Cruzada Eucarística.

No dia 09 de fevereiro de 1955, às 13 horas, as pioneiras: Irmã Liúba Heck, Irmã Maria Rosita Mayer, Irmã Maria Alfredina Stulp, Irmã Maria Iracema Grings, Irmã Miraci Adams e Irmã Maria Leonarda Links, acompanhadas pela Ministra provincial Irmã Antoninha Werlang e demais Ministras das comunidades de Santa Maria - RS, pisam nas terras missionárias de Mato Grosso – Dourados. No aeroporto, as irmãs foram recebidas por Frei Teodardo, por dona Neuza Amaral, Francisca Carvalho e outras autoridades.

No dia 09 de fevereiro de 1955, iniciaram as matrículas para o curso Primário e Jardim da Infância, na Ação Social Franciscana e Patronato de Menores (ASFPM), que funcionava ao lado da atual Igreja São José e, em 01 de março de 1955, iniciaram-se as aulas, com 300 alunos, número que, no final do mesmo ano letivo, elevou-se para 485.

Em 1956, as Irmãs abriram mais uma Escola, servindo-se do prédio da antiga casa paroquial que ficava próxima à Igreja Matriz, no centro da cidade, recebendo o nome de Patronato de Menores Santo Antônio. Pelo grande número de alunos, não foi fácil encontrar professores suficientes para atender do Jardim de Infância e Primário. Em 04 de outubro de 1957 iniciou-se a construção da nova escola paroquial ao lado da Igreja Matriz, que continuou com o mesmo nome.

Em 30 de janeiro de 1959, um grupo de Irmãs e internas passaram a morar na Vila Progresso e, nesse mesmo ano, teve início a Escola Normal no Instituto Educacional - cuja fundadora foi irmã Josélia Thomas -, funcionando no mesmo prédio do patronato de Menores Santo Antônio. O Normal Regional (1º grau) iniciou com 17 alunas e o Normal Colegial (2º grau), com 06 alunas.

No dia 07 de outubro de 1959, iniciou-se a construção do IED – Instituto Educacional de Dourados, atual Escola Franciscana Imaculada Conceição. No dia 02 de março de 1964, no novo prédio ainda em construção, iniciaram as aulas para as alunas do curso normal. Em 1969 acontece a inauguração da Escola Imaculada Conceição, obra que levou dez anos para ser construída.

Em 1970 a Escola abre matrículas para Jardim da Infância e Primário; em 1971, a escola inicia com turmas mistas no primário e ginásio.

De lá para cá, foram construídos espaços de esporte: quadra descoberta, quadra coberta, ginásio de esportes e ginásio poliesportivo; espaços exclusivos para a Educação Infantil e para o último ano do Ensino Médio (Pré-universitário) e implantadas novas tecnologias, que servem de aporte ao processo de aprendizagem. Hoje, a escola conta com laboratórios de ciências e de informática, sala de artes, quatro salas com lousa eletrônica, salão de eventos, anfiteatro com vídeoconferência e um quadro de profissionais qualificado (especialistas, mestres e doutorandos).